Trabalho flexível: está no topo da lista de desejos dos trabalhadores?

Há cada vez mais trabalhadores a considerar que o trabalho flexível é o “novo normal” quando procuram dar o próximo passo nas suas carreiras. E esta é apenas uma das conclusões do último estudo da IWG – líder mundial em espaços de trabalho flexíveis e detentora das marcas Regus e Spaces -, que reuniu a opinião de mais de 15 mil empresários em 80 países.

0
130
trabalho flexível
O trabalho flexível também ajuda as empresas a melhorar a diversidade dentro das organizações

O mais recente estudo da IWG – líder mundial em espaços de trabalho flexíveis e detentora das marcas Regus e Spaces – reuniu a opinião de mais de 15 mil empresários em 80 países e concluiu que o trabalho flexível não é considerado apenas um privilégio, mas um fator essencial quando se trata de aceitar uma nova oferta de emprego.

Quando se pediu aos trabalhadores para a priorizar preferências, no que diz respeito a vantagens no local de trabalho, 80% disseram que, quando confrontados com duas ofertas de emprego semelhantes, recusariam o que não oferecia um trabalho flexível. Além disso, 54% defenderam que ter uma escolha do local de trabalho era mais importante para eles do que um aumento no subsídio de férias.

O desenvolvimento de novas tecnologias há muito significa que é possível trabalhar a qualquer hora, em qualquer lugar. O desafio para as empresas tem sido como aproveitar ao máximo estas novas oportunidades. Muitas empresas descobriram rapidamente os benefícios do trabalho flexível, que não apenas permite que os funcionários trabalhem a partir de vários pontos do mundo, mas também melhora a produtividade, a satisfação no trabalho, a retenção de talentos e o desempenho dos negócios.

Trabalho flexível, o “novo normal”

Na verdade, muitos trabalhadores agora consideram que é o “novo normal” quando procuram dar o próximo passo nas suas carreiras – a demanda por trabalho flexível está a aumentar de ano para ano, não dando sinais de abrandar.

Empresas baseadas em conhecimento, como consultoria e empresas de TIC em particular, adotaram estruturas de ‘localização agnóstica’ para tornar o trabalho remoto possível, já que muitos empresários perceberam que ser flexível pode desempenhar um papel crítico na ampliação de acesso aos principais grupos de talentos.

Além disso, a importância de poder escolher o local de trabalho foi escolhida no estudo como uma das coisas mais importantes que os futuros empregados procuram identificar num novo emprego. Constatou-se que 70% sentiram que ter uma escolha de ambiente de trabalho é um fator chave na avaliação de novas oportunidades de carreira.

Uma vez considerada a reserva de pais com filhos pequenos, o trabalho flexível sofreu um “boom” de popularidade entre os funcionários em todas as fases de suas carreiras, devido às perspetivas atraentes de reduzir o tempo gasto com deslocações. O trabalho flexível também ajuda as empresas a melhorar a diversidade dentro das organizações à medida que a idade da reforma aumenta e a contribuição dos trabalhadores mais velhos para a economia se torna cada vez mais importante à medida que as populações envelhecem.

Sobre a Regus:

A Regus é um dos principais fornecedores de espaços de trabalho globais. Criámos uma rede única de espaços de escritório, coworking e reunião para utilização por pessoas e empresas em todas as cidades do mundo. Consiste numa infraestrutura global criada para fornecer apoio a todas as oportunidades.

A nossa rede de espaços de trabalho permite às empresas operar em qualquer lugar, sem a necessidade de custos de preparação ou investimento de capital. Oferece aos nossos clientes benefícios de custos imediatos e a oportunidade de subcontratar na totalidade o portefólio de escritórios. Concebida para melhorar a produtividade e ligar 2,5 milhões de profissionais que pensam de forma semelhante, é uma comunidade global instantânea e um local ao qual pertencer.

Contacto para Imprensa:
Andreia Martins
Email: [email protected]
TLM: 91 677 84 35

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor introduza o seu comentário
Por favor introduza o seu nome