O Município do Marco de Canaveses e a APCOI – Associação Portuguesa Contra a Obesidade Infantil assinaram hoje um protocolo de cooperação que vai permitir estender, já neste ano letivo 2021-2022, a adesão de todas as escolas do 1º ciclo e pré-escolar ao projeto Heróis da Fruta, com o objetivo de incentivar as crianças a ingerir diariamente fruta e legumes na quantidade recomendada pela OMS.

Através deste protocolo a Câmara Municipal compromete-se a auxiliar as escolas no processo de inscrição e no apoio aos professores, de forma a facilitar a implementação local do projeto.

Projeto Heróis da Fruta materializa a preocupação com os hábitos de vida saudáveis dos munícipes

A Presidente da Câmara Municipal, Cristina Vieira, assume que a promoção de hábitos de vida saudáveis, designadamente através da alimentação, é uma preocupação do atual executivo, sendo o firmar desta parceria mais um passo na estratégia de promoção de saúde do município.   

Para a APCOI, esta parceria representa um enorme passo no sentido de difundir esta iniciativa a todas as crianças deste município. “Este acordo, vai permitir-nos chegar já este ano a um maior número de crianças do Marco de Canaveses” adiantou Mário Silva, presidente e fundador da APCOI, sublinhando ainda que este programa que previne a obesidade infantil e as restantes doenças associadas tem como objetivo chegar a todas as escolas do país até 2025″.

.

Para mais informações, por favor, contactar:
APCOI – Associação Portuguesa Contra a Obesidade Infantil
Tel: +351 960 47 47 00

E-mail: [email protected]

FONTEAPCOI
Artigo anteriorDigital Signage Awards 2022: PARTTEAM & OEMKIOSKS entre os finalistas
Próximo artigoTOMORROW 21: especialistas apresentam o poder dos insights para o negócio
Envie-nos o seu press release através do nosso formulário de submissão e potencie a visibilidade da sua marca, empresa, ideia ou projeto. Se tiver dúvidas sobre a elaboração de uma nota à comunicação social, leia o nosso artigo "Como Fazer um Press Release".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor introduza o seu comentário
Por favor introduza o seu nome