programa check-in

Estão abertas as inscrições para o programa Check-In Tourism Innovation on Campus, promovido pelo Haddad Entrepreneurship Institute em cooperação com o Westmont Institute of Tourism and Hospitality, ambos institutos da Nova SBE, em parceria com o Turismo de Portugal, e que pretende trazer às startups e PME’s nacionais e internacionais os recursos, dinamismo e inovação determinantes para vingarem nesta nova era do Turismo, durante e pós-pandemia. As startups interessadas poderão fazer a sua candidatura ao programa até dia 6 de fevereiro. O Check-In arranca oficialmente a 28 de março com o evento imersivo Matchmaking.

Após seis décadas de crescimento extraordinário, o setor do Turismo foi quase totalmente paralisado pela pandemia COVID-19. É necessário avançar rapidamente para uma recuperação sustentada deste setor intensificando a digitalização das empresas e da força de trabalho no turismo, capacitando o setor para se tornar mais resiliente. Nesta nova era do Turismo as tecnologias digitais precisam ser usadas para aumentar a segurança e confiança dos viajantes e, ao mesmo tempo, repensar o sector de forma integrada e sinergética.

Este é ainda o momento de redesenhar e ajustar as políticas e a gestão do turismo, inclusive através de uma maior diversificação, produtos mais inovadores e a revitalização das áreas rurais. Neste contexto, a inovação e a tecnologia tomam um papel principal na reconstrução, e preparação do setor para aquela que se prevê ser uma nova forma de viajar, mais responsável, mais sustentável e mais digital, respondendo às necessidades de turistas mais conscientes e mais exigentes.

É a segunda edição do Programa Check-In

O programa Check-In – Tourism Innovation on Campus responde às necessidades mais prementes do sector e parte para a sua 2ª edição com o intuito de apoiar as startups nacionais e internacionais a co-desenvolverem as melhores soluções com experientes e reconhecidos parceiros do mercado, com o objetivo de as colocarem à disposição do setor das Viagens e Turismo. Para tal, as startups integradas no programa são capacitadas com as ferramentas e o mindset necessários para enfrentarem os seus desafios.

Adicionalmente, as startups participantes poderão ainda vir a integrar o ecossistema de inovação da Nova SBE, através da comunidade de startups do Haddad Entrepreneurship Institute, que irá permitir uma maior aproximação das startups aos alunos, recursos e network da Escola.

A 2ª edição do programa Check-In conta com a participação de 18 parceiros PMEs e institucionais representativos de diversos verticais do setor como hotelaria, alojamento local, animação turística e agências de viagens. 15 dos parceiros integraram a 1ª edição do programa e dão continuidade à parceria pelas mais valias de inovação e disrupção que encontram nos projectos e sinergias que são potenciadas. Este ano integram a lista de parceiros a Amazing Evolution, Boost, Campigir, Cityrama, Visit Cascais, Details Hotels & Resorts, FeelsLikeHome, Go4Travel, GuestCentric, HotelShop, Osiris, Nonius Hospitality Technlogy, PortugalTrails, Selina Hotels, Top Atlântico, TravelStore, United Hotels of Portugal e Parques de Sintra.

A recepção de candidaturas para o programa Check-In decorre até 6 de fevereiro. Entre 6 de fevereiro e 27 de março serão pré-selecionadas as startups ilegíveis a integrarem o programa que arrancará a 28 de março com a imersão Matchmaking. Durante os 3 dias desta imersão as startups terão a oportunidade de se dar a conhecer e demonstrar o valor das suas soluções às PMEs e entidades parceiras, evidenciando a contribuição significativa que podem trazer para mudar o panorama do sector. A partir daqui serão criadas as sinergias possíveis, abrindo caminho para uma oportunidade de co-desenvolvimento dos projetos-piloto, com duração de 3 meses.

Digitalização e Personalização, Experiência Integral e Aprimorada e EcoTravel são as áreas de desafio a que a 2ª edição do programa procura responder com novas soluções, prevendo-se que em junho sejam apresentadas no Demo Day.

Assumindo-se como uma plataforma dinâmica onde as ideias e projetos fluem de forma livre e estão em constante desenvolvimento, a Nova SBE pretende agregar um diversificado conjunto de intervenientes na promoção de um programa de inovação aberta com uma estreita articulação entre a Academia, as empresas do setor e as startups. Desta forma, a escola pretende assumir um papel ativo e responsável na preparação das empresas de hoje para o Turismo de amanhã.

Para mais informações

Liliana Ferreira

939.743.141

[email protected]

FONTENova SBE
Artigo anteriorCientistas criam base de dados para prever o papel dos polinizadores de culturas agrícolas
Próximo artigoTEIMA Alentejo SW com oferta especial para profissionais de saúde
Envie-nos o seu press release através do nosso formulário de submissão e potencie a visibilidade da sua marca, empresa, ideia ou projeto. Se tiver dúvidas sobre a elaboração de uma nota à comunicação social, leia o nosso artigo "Como Fazer um Press Release".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor introduza o seu comentário
Por favor introduza o seu nome