nina girassois
A voz doce da cantora Nina Girassóis é conhecida na cultura sound system brasileira

A cantora paulistana Nina Girassóis já é conhecida e celebrada na cena independente de São Paulo há alguns anos. Uma de suas músicas mais conhecidas, “Sangue Vermelho”, de 2017, ganhou destaque entre colecionadores de vinil do Brasil e da Europa, tornando o disco uma raridade. 

Em plena pandemia, o trabalho da artista atravessa novamente fronteiras, resultando numa conexão com o selo francês Dubquake, um dos mais importantes da cena independente europeia. 

Heavyweight Sound, videoclipe lançado hoje, traz a voz de Nina e a produção do DJ, produtor musical e pesquisador Paulera.

A letra dessa música foi escrita há quase uma década e continua mais atual do que nunca, não só em relação ao clima econômico e social no Brasil, mas em todo o mundo”, explica Paulera, que compôs e produziu a música em 2012. A mixagem foi realizada por Rico O.B.F., no Dubquake Studio (Rhône-Alpes, França), em 2020.

Nina Girassóis é um espelho do efervescente cenário da música dub brasileira

O vinil compacto da música, com a versão dub no lado B, teve pré-venda especial realizada no dia 5 de março, e as cópias disponíveis esgotaram em apenas duas horas. No entanto, mais cópias estarão disponíveis esta sexta-feira via Bandcamp.

O selo Dubquake é um braço do O.B.F. Sound System, coletivo que realiza um conceituado trabalho na Europa e ao redor do mundo há mais de duas décadas. “Me sinto orgulhoso em trabalhar com esses dois talentosos artistas, Nina e Paulera, que representam tão bem o efervescente cenário da música dub brasileira”, pontua Rico O.B.F., produtor musical e criador do O.B.F Sound System e Dubquake.

LEIA TAMBÉM: MC Gra homenageia a força feminina e lança o videoclipe “Vacinada”

O single também está disponível nas principais plataformas de streaming. A arte da capa é do francês Biga Ranx

Assista e ouça “Heavyweight Sound” clicando aqui.

Ficha técnica:

HEAVYWEIGHT SOUND

MÚSICA

Voz: Nina Girassóis

Letra: Paulera (@paulerareggae)

Produção musical: Paulera

Gravação: Hard Drop Studios

Mixagem: Rico OBF (@obfsoundsystem)

Selo: Dubquake Records (@dubquakerecords)

Distribuição: Control Tower (@controltowerrecords) / Modulor (@modulormusic) / Dubwise  / Unearthed Sounds (@unearthedsounds)

Artwork: Biga Ranx (@bigaranx.telly)

LEIA TAMBÉM: Lowkey: um programa para fazer uma música com um clique

VIDEOCLIPE

Direção videoclipe: Daniel Lupo (@daniellupo)

Cinematografia – Daniel Lupo e Miguel Salvatore (@donsalvatore)

Assistente de câmera – Noel Filho (@nf_8mm)

Edição e finalização – Caio Saad (@saadcaio)

Efeitos visuais – Caio Saad e Daniel Branco (@danielbranco)

Imagens de protesto – Felipe Larozza (@larozza)

Ator – João Andre 

RP e Imprensa: Dani Pimenta / Conteúda (@adanipimenta / @conteudamusic)

Agradecimentos: Shalka House (@jahfabioshalka) /Jah Daddy Downbeat (@jah_daddy_downbeat)

Sobre Nina Girassóis:

A voz doce da cantora Nina Girassóis é conhecida na cultura sound system brasileira, universo no qual transita há mais de uma década. Apaixonada por música desde criança, Nina se conectou ao produtor, seletor e colecionador Paulo Mion, conhecido como Paulera, e fez suas primeiras performances musicais na tradicional festa semanal comandada por Paulera na casa underground CCPC, localizada no centro de SP. 

Sua paixão pelo reggae é expressa em letras e melodias através dos graves dos sistemas de som, em festas e sessões de rua ou em palcos. Já passou pelo Sesc Pompéia, Sesc Bauru, Sesc Santo André, Mundo Pensante, Tropical Butantã, Fatiado Discos, entre outros. Em 2018, integrou a banda brasileira de apoio da cantora jamaicana Jah9, um dos maiores nomes atuais do reggae mundial.

Sobre Paulera:

Um dos mais relevantes expoentes da cultura reggae e suas vertentes no Brasil, Paulera começou a discotecar em 2008 e, neste mesmo período, mudou-se para Milão, onde permaneceu por dois anos tocando em festas e eventos musicais. Em seu retorno ao Brasil, foi convidado para fazer parte do coletivo Dubversão, onde permaneceu até 2013, participando de sessões memoráveis, como no vão livre do MASP, e edições da Virada Cultural. Em outubro de 2016, inaugurou seu próprio selo, intitulado Hard Drop.

Informações à imprensa:

Daniella Pimenta

[email protected]

[email protected]

(11) 97037-1591

FONTENina Girassóis
Artigo anteriorTurismo do Porto e Norte entre os vencedores do The Golden City Gate Awards
Próximo artigoTreetop Walk de Serralves renova parceria com Ascendi
Envie-nos o seu press release através do nosso formulário de submissão e potencie a visibilidade da sua marca, empresa, ideia ou projeto. Se tiver dúvidas sobre a elaboração de uma nota à comunicação social, leia o nosso artigo "Como Fazer um Press Release".