mindset de crescimento

Uma organização que adota um mindset de crescimento pode posicionar-se bem para prosperar. No entanto, o que define exatamente uma mentalidade de crescimento? A Adecco, especialista em Recursos Humanos, esclarece e sublinha que hoje é essencial esta mentalidade de crescimento, definida como o conjunto de atitudes e comportamentos que refletem a crença de que o talento de uma pessoa não é estanque e pode-se desenvolver, fomentar a inteligência, reforçar a criatividade e a inovação. Os líderes podem emergir e as pessoas têm todas um potencial.
 
Isto significa que todos os empregados de uma organização devem ter a capacidade de se desenvolver, crescer e aprender, defende a especialista em Recursos Humanos. As empresas que trabalham para ajudar cada uma destas pessoas a progredir, avançar nas suas funções, adquirir mais capacidades de liderança e desenvolver constantemente as suas capacidades e pensamento irão prosperar como um todo.

A chave é um mindset de crescimento

Uma liderança forte, aprendizagem contínua e inovação são hoje a chave para o sucesso empresarial. E não apenas entre os que desempenham funções de liderança designadas. A liderança e a aprendizagem devem ser fomentadas em toda a organização para que essa organização progrida verdadeiramente. Embora isto comece frequentemente no topo, deve ser confirmado a todos os níveis.

Leia também: A nova gestão de talentos em Recursos Humanos

Uma mentalidade fixa, em oposição a uma mentalidade de crescimento, não fomenta nenhum destes ideais. Também não permite que os empregados cresçam e que surjam novos líderes. E menos risco, menos liberdade, menos colaboração e menos aceitação do fracasso, todos os sintomas comportamentais de uma mentalidade fixa, podem ser prejudiciais aos negócios, acrescenta a especialista.

Adotar uma mentalidade de crescimento para impulsionar os negócios

É possível adotar um mindset de crescimento que impulsiona a empresa. Como? Através de quatro formas de atuar:
 
1. Procura de alunos

Muitas vezes, nos negócios, à medida que a experiência aumenta, as pessoas lutam cada vez mais para ver novas soluções ou ideias. A aprendizagem torna-se estagnada e isto leva a que as empresas fiquem presas no seu pensamento. Para adotar uma mentalidade de crescimento que possa impulsionar uma organização, devemos concentrar-nos nas capacidades das pessoas, não no seu pedigree. Como tal, o recrutamento deve valorizar indivíduos que demonstrem um verdadeiro empenho na aprendizagem. Estes indivíduos ajudarão a construir uma cultura de aprendizagem, desenvolver-se de forma independente, colaborar com sucesso e ser capazes de se adaptar a quaisquer desafios que surjam. As pessoas que valorizam a aprendizagem e demonstram capacidade e paixão pela aprendizagem contínua têm uma mentalidade de crescimento natural que pode levar qualquer negócio ao sucesso.
 
2. Permitir que os colaboradores deixem o seu trabalho diário

Criar um mindset de crescimento significa permitir que o trabalho de cada indivíduo seja mais do que apenas o seu trabalho. Desenvolver novas competências, mesmo que sejam diferentes das suas funções habituais, é sempre valioso. Compreender e aprender outros papéis para além dos seus próprios pode ajudar a promover a empatia, a colaboração e encorajar novas formas de abordar as coisas. E reservar tempo para desenvolver competências tais como colaboração e liderança é a chave para tornar as equipas mais produtivas.
 
3. Construir uma cultura disposta a assumir riscos e a aceitar o fracasso

Uma parte inevitável do crescimento é o fracasso. E adotar um mindset de crescimento significa aceitar a possibilidade de, no final, poder falhar. Mas a inovação, a criatividade e a dinâmica empresarial não seriam possíveis se as pessoas não estivessem dispostas a assumir riscos. E muitas vezes isto começa no topo. Os líderes devem dar o exemplo, mas também permitir que todos os empregados assumam papéis de liderança, dando-lhes independência e liberdade para tentarem as coisas, falharem e aprenderem com os seus erros.
 
4. Empenho, determinação e inovação

Os colaboradores das empresas que visam o crescimento sentem-se mais empenhados no seu trabalho porque sentem que têm o potencial para crescer, aprender e prosperar nele. Estão também mais motivados a fazer o seu melhor porque sabem que o seu desenvolvimento pessoal e trabalho árduo é valorizado. De facto, os colaboradores de organizações com espírito de crescimento prosseguem projetos mais inovadores. Também se comportam de forma mais transparente e trabalham mais em colaboração. E estas pessoas verdadeiramente motivadas irão impulsionar a inovação e os negócios.

Leia também: Bem-estar dos colaboradores: Adecco partilha 5 métodos de promoção
 
Qualquer empresa que queira posicionar-se para atingir metas e objetivos, estabelecer novos, continuar a prosperar e avançar, precisa de adotar uma mentalidade de crescimento para ser bem sucedida.
 
Trata-se de desenvolver, avançar, expandir e ver a oportunidade e o potencial em cada momento, fracasso e sucesso. Um mindset de crescimento fará avançar o negócio e posicioná-lo-á, juntamente com a marca e a equipa, para lucro e sucesso no futuro.

Para mais informações

Sofia Velasco – Communication Director

T: +351 211 913 070     |    M: +351 932 101 396   | [email protected]