Melhores curtas metragens do mundo em exibição na Cinemateca

Portugal é representado na 6.ª edição do evento "Les Nuits en Or" por “Coelho Mau”, de Carlos Conceição, vencedor do Sophia de Melhor Curta-Metragem de Ficção 2018 .

172
melhores curtas metragens
"Les Nuits en Or" permite ver as melhores curtas metragens do mundo e proporciona uma viagem cultural pelos 33 países participantes

A Academia Portuguesa de Cinema, em parceria com a Académie des César e o apoio da Cinemateca Portuguesa, organiza a 6.ª edição do evento Les Nuits en Or, que regressa a Lisboa nos dias 3, 4 e 5 de julho, na Cinemateca – Museu do Cinema, para exibir as 35 melhores curtas metragens do mundo, premiadas pelas academias de cinema de todo o globo.

Para Paulo Trancoso, presidente da Academia Portuguesa de Cinema, “Les Nuits en Or proporciona uma viagem cultural pelos 33 países participantes e uma oportunidade única para as academias de cinema darem a conhecer, a nível mundial, as curtas-metragens e potenciar o intercâmbio cultural”.

Este ano, Portugal será representado por “Coelho Mau”, de Carlos Conceição, vencedor do Sophia de Melhor Curta Metragem de Ficção 2018.

Melhores curtas metragens do mundo podem ser vistas gratuitamente

Em edições anteriores, Les Nuits en Or deu a conhecer ao mundo as curtas metragens portuguesas “Kali – O Pequeno Vampiro”, de Regina Pessoa (2014), “Luminita”, de André Marques (2015), “Encontradouro”, de Afonso Pimental (2016), “Amélia & Duarte”, de Alice Guimarães e Mónica Santos (2017) e “Menina”, de Simão Cayatte (2018), vencedor do Prémio Sophia para Melhor Curta Metragem de Ficção de 2017.

O evento tem entrada gratuita e irá contar com duas sessões diárias (18 e às 20 horas).

Les Nuits En Or é uma iniciativa da Académie des César, com o apoio da Renault. Em Portugal, o evento é organizado pela Academia Portuguesa de Cinema, com apoio da Cinemateca e da Pleno.

A Academia Portuguesa de Cinema formalizou-se em Julho de 2011 e reúne “os que fazem cinema, num ideal de diversidade e respeito pelas capacidades e trabalhos de todos os cineastas portugueses”. Integra o movimento das academias, no fórum internacional da representação e comunhão das cinematografias nacionais, da European Federation of Academies e da Federação das Academias Ibero-Americanas.

A instituição escolhe, anualmente, os melhores da área e distingue-os com os Prémios Sophia, a referência na premiação cinematográfica portuguesa.

Gabinete de Comunicação da Academia Portuguesa de Cinema:
Maria Eliseu / [email protected] / 21 391 66 00 / 93 604 0904

Considere ler também:
Escola de Cinema Darcy Ribeiro oferece oficina livre de conteúdo audiovisual em smartphones.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor introduza o seu comentário
Por favor introduza o seu nome