O Grupo Meio Fio de Pesquisa e Ação, por meio do VII Edital das Artes de Fortaleza (lei no. 10.432/2015), abre convocatória para artistas e coletivos participarem da Mostra de Arte Urbana Benfica, que ocorrerá de 20 a 23 de agosto, compondo a II Semana de Arte Urbana Benfica.

As inscrições acontecem de 23 a 31 de julho, através de formulário eletrônico que pode ser acessado pelo edital no link is.gd/CONVOCATORIAIISAUB. Ao todo, serão selecionadas nove propostas.

A II Semana de Arte Urbana Benfica é um projeto plural que integra diversas atividades como o II Seminário Práticas Artísticas e Demandas Contemporâneas, do Programa de Pós-Graduação em Artes do Instituto Federal do Ceará – IFCE. A programação se estenderá por praças e ruas do bairro, além de encontros e debates que acontecerão no IFCE, no Centro de Humanidades, Museu de Arte e na Reitoria da Universidade Federal do Ceará (UFC).

A II Semana de Arte Urbana contará com presença de vários convidados de relevo, no contexto em que se insere

Entre os convidados estarão Alexandre Barbalho, professor adjunto do curso de História e do Programa de Pós Graduação em Sociologia e em Políticas Públicas da Universidade do Estado do Ceará – UECE e do curso de Comunicação da Universidade Federal do Ceará.

André Carreira, diretor do grupo teatral Experiência Subterrânea de Florianópolis e professor na Universidade do Estado de Santa Catarina, no Departamento de Artes Cênicas e no Programa de Pós-Graduação em Teatro.

Bia Santos, investigadora, artista visual e curadora, formada em artes plásticas pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal da Bahia e doutora em Artes Visuais pela Universidade Politécnica de Valência, na Espanha.

Deisimer Gorczevski, doutora em Ciências da Comunicação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos, com doutorado-sanduíche em Comunicação Audiovisual na Universidade de Barcelona, Espanha. É professora no Instituto de Cultura e Arte, na Universidade Federal do Ceará.

Glória Diógenes, socióloga, antropóloga urbana é pós-doutora pelo Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa e professora da Universidade Federal do Ceará; líder do Grupo de Pesquisa do Laboratório das Juventudes, membro-fundadora da Rede Luso-Brasileira de Pesquisadores em Artes e Intervenções Urbanas, ambos do diretório de pesquisa do CNPq.

Lilian Amaral, artista visual, curadora e pesquisadora de arte urbana contemporânea no contexto latino americano e europeu. Mestre e doutora em artes pela Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo – ECA/USP e Universidade Complutense de Madrid; pós-doutoranda pelo Instituto de Artes da Universidade Estadual Paulista – UNESP.

Informações adicionais para órgãos de comunicação social:
Kátia Karan
Assessora de Imprensa
[email protected]
(85) 98858-4774

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor introduza o seu comentário
Por favor introduza o seu nome