softpower na retenção de talento

Num momento em que tanto se fala de escassez de talento, que estratégias estão a desenvolver as empresas para cativar e ‘recrutar’ todos os dias na companhia o seu talento? Diz-se que o salário financeiro atrai, mas que o salário emocional retém os profissionais nas empresas e é neste enquadramento contexto que se deve pensar o Softpower.

One size does not fit all e isso é cada vez mais verdade ao nível da política de benefícios das companhias. Como é que estão a ajustar ofertas ao talento que têm e querem conquistar? No rescaldo de uma longa pandemia, como estão as organizações a tratar das suas pessoas, ao nível de saúde física e mental? Será a semana de quatro dias de trabalho a resposta a um maior equilíbrio entre a vida laboral e pessoal? Que outras estratégias estão as organizações a avançar?

O Softpower do ponto de vista de especialistas

As perguntas estão lançadas e serão o ponto de partida para o debate “O Softpower na retenção de talento”, organizado pela Pessoas, em parceria com a Adecco, e que poderá acompanhar no próximo dia 16 de maio, às 16h, no site da Pessoas e no Facebook do ECO.

A webtalk conta com a participação de Alexandra Andrade, Country manager da Adecco Portugal, Hugo Rodrigues, multilingual HR sites Director da Majorel, e Marta Melo, Head of recruitment do Grupo Ageas Portugal. A moderação estará a cargo de Ana Marcela, Diretora executiva da Pessoas.

Registe-se aqui e acompanhe o debate online no dia 16 de maio, às 16h.

Para mais informações

Inês Maia e Silva | 967 521 865 | [email protected] 

FONTEAdecco
Artigo anteriorGeração Z: 50% acredita ter controlo sobre os seus dados pessoais
Próximo artigoLiteracia em saúde: Faculdade de Medicina da UC lança novo projecto
Envie-nos o seu press release através do nosso formulário de submissão e potencie a visibilidade da sua marca, empresa, ideia ou projeto. Se tiver dúvidas sobre a elaboração de uma nota à comunicação social, leia o nosso artigo "Como Fazer um Press Release".