seguro automovel
Pagamento mensal do seguro automóvel representa, na maioria dos casos, um aumento de 20% a 35% no valor

O tipo de trajetos habituais, a importância do carro como meio de transporte no dia-a-dia ou o lugar onde o veículo é guardado são alguns dos muitos fatores que devem ser tidos em conta quando se pensa nas coberturas de um seguro automóvel. Entre eles está também a modalidade de pagamento contratualizada com a seguradora. O pagamento anual é escolhido pela maioria dos utilizadores, dado que é também o mais barato, mas “não se adapta totalmente às novas necessidades de mobilidade e gestão de gastos das famílias”, alerta a MUDEY.

De acordo com dados da primeira plataforma em Portugal a permitir pesquisar, comparar, comprar e gerir totalmente online diferentes tipos de seguros de várias seguradoras, o pagamento mensal do seguro automóvel representa, na maioria dos casos, um aumento de 20% a 35% no valor, mas há mesmo contratos em que as diferenças podem ascender aos 60%. Tomando como exemplo um seguro com o custo de 300€/ano, o pagamento mensal poderia totalizar 480€ – mais 180€ do que o valor pago de uma só vez.

“A modalidade anual é, sem dúvida, a mais económica, mas implica um investimento muito avultado, feito de uma só vez, algo que muitas famílias não conseguem suportar com facilidade, sobretudo, no contexto economicamente delicado em que vivemos”, adverte Ana Teixeira, cofundadora da MUDEY.

“Para além disso, a utilização do automóvel tem vindo a alterar-se, ainda mais, durante este último ano. À procura por meios de transporte mais sustentáveis, juntou-se uma menor mobilidade urbana trazida, por exemplo, pelo teletrabalho. Surgem novas necessidades no mercado a que o setor segurador tem de dar resposta, de forma a tornar o seguro automóvel mais flexível e com valores mais equilibrados entre as modalidades de pagamento anual e mensal”, acrescenta.

Mudey mostra opções de seguro automóvel de cinco seguradoras, de forma gratuita e independente

Na MUDEY, que chegou ao mercado em julho do ano passado e que conta já com cerca de 5.000 utilizadores, cerca de 10% dos seguros automóvel registados têm pagamentos mensais. Do total de clientes que usam a plataforma para gerir os seus seguros automóvel, 22% referem que o carro não é o seu principal meio de transporte diário e 78% referem que não fazem viagens de longa distância de carro.

A insurtech portuguesa mostra aos utilizadores, de forma independente e gratuita, opções de seguro automóvel de cinco seguradoras. A estas juntam-se mais seis em 13 tipos de seguros diferentes (vida proteção e vida crédito, saúde, dentário, casa, viagem, empregada doméstica, acidentes pessoais, família, criança, bicicleta, trotinete e investimento), a que a MUDEY quer continuar a adicionar novas seguradoras parceiras e, em média, um novo tipo de seguro por mês.

LEIA TAMBÉM: Seguro de vida cada vez mais importante nos novos contextos de trabalho

A MUDEY recorre à desmaterialização de processos e à inteligência artificial para garantir uma operação totalmente online, expondo de forma simples e transparente as soluções que melhor se adequam às necessidades e interesses de cada cliente.

Sobre a Mudey:

A MUDEY é uma insurtech nacional que se dedica à distribuição de seguros e oferece um serviço inovador e pioneiro em Portugal, de compra e gestão de seguros – totalmente gratuito para os seus utilizadores. Numa abordagem disruptiva ao setor dos seguros, é garantida a desmaterialização dos processos, fazendo-se valer do digital a 100%.

Com uma ronda de investimento inicial de 720 mil euros, a MUDEY contou com financiamento de investidores sediados em Portugal, Brasil e Estados Unidos da América.

LEIA TAMBÉM: Livro de ecommerce destaca os 110 erros que as lojas online devem evitar a todo o custo

A MUDEY é formada por uma equipa multidisciplinar e experiente no setor dos seguros e modelos de negócio digitais. Uma das suas fundadoras, Ana Teixeira, já fez parte do arranque de vários projetos pioneiros no estrangeiro, como é exemplo o Beagle Street, o primeiro distribuidor totalmente online de seguros de vida no Reino Unido, LesFurets.com, o principal comparador de seguros em França e a DeadHappy, uma das insurtechs mais irreverentes a nível europeu. A outra fundadora, Sónia Teixeira, é licenciada e mestre em direito e jurista há vários anos em Portugal.

Para mais informações, contactar:

SILVER LINING – Consultoria de Comunicação

Joana Monteiro

Tlm.: +351 930 690 126

E-mail: [email protected]

Edite Alexandre

Tlm.: +351 939 105 695

E-mail: [email protected]

FONTEMudey
Artigo anteriorBarão do Hospital: a nova marca da região dos vinhos verdes que recupera a portugalidade
Próximo artigoQuinta dos Muros Porto Vintage 2018 conquista medalha de ouro em Londres
Envie-nos o seu press release através do nosso formulário de submissão e potencie a visibilidade da sua marca, empresa, ideia ou projeto. Se tiver dúvidas sobre a elaboração de uma nota à comunicação social, leia o nosso artigo "Como Fazer um Press Release".