data protection officers

A DPO Consulting, consultora portuguesa especializada em privacidade, proteção de dados e segurança da informação, em parceria com a Associação Empresarial de Portugal (AEP), dá hoje início à 20ª edição do DPO PRO, programa pioneiro em Portugal na formação de Data Protection Officers (DPO’s, ou Encarregados de Proteção de Dados). Devido à elevada procura, as entidades anunciam que existirá uma segunda data, com início marcado para o dia 4 de abril. Com uma duração total de 48 horas, a formação decorre em regime pós-laboral e totalmente online.

O programa DPO PRO legitima atuais e futuros DPO’s para esta função, respondendo à crescente procura por estes profissionais nos últimos anos, capacitando-os para a implementação otimizada das mais recentes políticas organizacionais de privacidade, proteção de dados e segurança da informação, exigidas pelo RGPD nas organizações.

Para formar Data Protection Officers capazes de responder aos desafios atuais

Com a aprovação neste programa, os profissionais ficam habilitados a responder aos novos desafios que as suas organizações enfrentam ao nível da proteção de dados, tanto no setor público como no setor privado, assim como capacitados a alertar as organizações para os principais riscos e desafios que se perspetivam em 2022, ficando dotados com as mais recentes ferramentas para que possam agir em conformidade.

Elsa Veloso, Advogada, Certified Information Privacy Professional Europe, Fundadora e CEO da DPO Consulting, comenta “A proteção de dados vai continuar a ter cada vez mais importância nas organizações, pelo que o investimento em formação contínua nestas matérias passou a ser fundamental. O incumprimento das questões relativas à proteção de dados tem um enorme peso para as empresas, e também para o Estado, sendo essencial poder contar com profissionais preparados e dotados de ferramentas atualizadas para evitar incumprimentos”.

Em 2021, foi atingido o valor mais alto de coimas aplicadas por força da violação dos dados: foram passadas 412 multas por todos os países da UE, o correspondente a mais de 1,07 mil milhões de euros, sete vezes mais do que em 2020.[1]

O programa de formação DPO PRO conta com um painel de formadores de excelência e percorre todas as matérias fundamentais e mais atuais na área, segundo as recomendações internacionais, bem como do Tribunal de Justiça da União Europeia (TJUE) e da Comissão Nacional de Proteção de Dados (CNPD).

O DPO PRO é pioneiro na preparação e legitimação de Data Protection Officers em Portugal e conta com o selo único de qualidade e prestígio da AEP e da DPO Consulting. Entre algumas entidades e marcas de referência que já realizaram estas formações com sucesso e certificam a qualidade das mesmas, é possível destacar: Salvador Caetano, Auchan, Parfois, Câmara Municipal da Maia ou a Câmara Municipal de Matosinhos.

Todas as informações sobre o Programa de Formação DPO PRO estão disponíveis para consulta aqui.

Para mais informações

Márcia Oliveira

+351 935 872 967

[email protected]

FONTEDPO Consulting
Artigo anteriorCirurgia plástica: procura por procedimentos estéticos aumentou durante a pandemia
Próximo artigoApp sobre vinhos: Fine Wine Traveller quer aproximar os consumidores mais jovens do setor
Press Release
Envie-nos o seu press release através do nosso formulário de submissão e potencie a visibilidade da sua marca, empresa, ideia ou projeto. Se tiver dúvidas sobre a elaboração de uma nota à comunicação social, leia o nosso artigo "Como Fazer um Press Release".

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor introduza o seu comentário
Por favor introduza o seu nome