Coworking em Portugal: Regus aposta no “franchising”

No ano em que celebra os 25 anos no nosso país, a marca de "coworking" do grupo IWG lança uma solução de "franchising" para quem quiser investir nesta área de negócio.

0
156
coworking em portugal
"Coworking" em Portugal: Regus está presente em cinco cidades portuguesas - Braga, Lisboa, Oeiras, Porto e Vila Nova de Gaia

Com o crescimento do coworking em Portugal, a Regus, que é o principal fornecedor de espaços de trabalho flexível no nosso País, lança agora uma oportunidade única de negócio: o franchising da marca.

Para quem quiser abraçar este projeto, a Regus oferece várias vantagens: “Damos todo o apoio necessário para o arranque do negócio, ajudamos, nomeadamente, a escolher e negociar o edifício, desenvolvemos todo o espaço interior ao pormenor e acompanhamos a construção. Providenciamos também as ferramentas de recrutamento e de treino da equipa que vai operar no centro”, explica Jorge Valdeira, Country Manager da Regus em Portugal.

Por outro lado, a “equipa internacional de marketing e vendas fará a promoção do centro, irá vender os seus serviços e encaminhar clientes para ele. Desde a geração de procura no online, passando pelos nossos clientes corporate e toda a equipa comercial dos vários países, todos dão um importante contributo comercial”, acrescentou.

Coworking em Portugal: grande parte do País ainda tem mercado

O franchising da marca é já caso de sucesso em vários países e Jorge Valdeira não tem dúvidas que Portugal não será exceção, especialmente porque “o mercado ainda não está saturado” e “grande parte do país ainda está disponível para construir centros Regus”.

“Outra vantagem para o franchisado é que o coworking é um negócio de serviços que quase não necessita de stocks, o que representa uma grande vantagem em termos do capital necessário. O investimento tem sobretudo a ver com as obras de construção e equipamento do centro e estes dependem muito do estado inicial do edifício e da sua área total, normalmente cerca de 1000 m2”, explica Jorge Valdeira.

Desta forma, a insígnia do grupo IWG torna-se a primeira marca de coworking de escala mundial a oferecer este modelo de negócio em Portugal: “Mais do que sermos líderes de mercado, temos um a rede de 3500 centros Regus em 120 países e isso dá-nos uma enorme notoriedade, além de nos tornar a opção mais evidente para quem procura um espaço de trabalho flexível de elevada qualidade. Por outro lado, a nossa escala permitiu criar uma estrutura eficiente de apoio operacional aos centros de todo o mundo apoiada em centros de serviços internacionais”.

Em Portugal desde 1994, a Regus está presente em cinco cidades portuguesas: Braga, Lisboa, Oeiras, Porto e Vila Nova de Gaia.

Sobre a Regus:

A Regus é um dos principais fornecedores de espaços de trabalho globais. Criámos uma rede única de espaços de escritório, coworking e reunião para utilização por pessoas e empresas em todas as cidades do mundo. Consiste numa infraestrutura global criada para fornecer apoio a todas as oportunidades. A nossa rede de espaços de trabalho permite às empresas operar em qualquer lugar, sem a necessidade de custos de preparação ou investimento de capital. Oferece aos nossos clientes benefícios de custos imediatos e a oportunidade de subcontratar na totalidade o portefólio de escritórios. Concebida para melhorar a produtividade e ligar 2,5 milhões de profissionais que pensam de forma semelhante, é uma comunidade global instantânea e um local ao qual pertencer.

Contacto para imprensa:
Andreia Martins
Email: [email protected]
TLM: 91 677 84 35

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor introduza o seu comentário
Por favor introduza o seu nome