tatuagens em almada
Este estúdio de tatuagens em Almada reúne num único e amplo espaço um ambiente alinhado com o conceito gráfico da marca @vandal_paradise

Há boas notícias para quem procura um estúdio de tatuagens em Almada: o Piramid Tattoo Studio apresenta um conceito diferenciador em termos de design de ambiente e na própria linha estética da loja, que comercializa não só material para street art, ilustração e desporto ao ar livre como representa ainda conceituadas marcas do universo da street wear, como a Clarks original e New Era.

Por trás do projeto está uma talentosa equipa que oferece serviços de tatuagem, remoção a laser, tooth gems e piercing, espelhada no jovem casal Ivan e Ana Sacara, que fundaram o Piramid Tattoo Studio a 24 de abril de 2021. Juntaram-se-lhes mais tarde os artistas Pedro Vilares e Sandra Sierra, que atuam na área da tatuagem e ilustração.

“A expansão para outras localizações está no horizonte, bem como planeamos a abertura de uma galeria no interior do Piramid Tattoo Studio”, refere o tatuador e proprietário Ivan Sacara.

LEIA TAMBÉM: Phantasos Games: canal de YouTube resgata a nostalgia dos jogos de fliperama

Este estúdio de tatuagens em Almada reúne num único e amplo espaço na cidade um ambiente alinhado com o conceito gráfico da marca de graffiti, skate e street wear @vandal_paradise.  

A Piramid Tattoo Studio tem uma campanha de oferta de tatuagem resiliente pelas mãos da artista Sandra Sierra, que, quando morou na Argentina, tatuou duas mulheres com cicatrizes no corpo que lhes afetavam a autoestima. Como mulher e artista sentiu uma enorme satisfação ao ver o sorriso das clientes quando viram ao espelho a cicatriz transformada em arte. Decidiu continuar a fazer o mesmo por outras mulheres que tenham ultrapassado a experiência de cancro de mama e feito uma mastectomia.

Informações adicionais:

Florbela Barão da Silva – ViewPoint PR

[email protected]

FONTEPiramid Tattoo Studio
Artigo anteriorRestaurante Retiro do Ernesto recebe prémio Restaurant and Bar Awards
Próximo artigoAprendizagem digital inclusiva para crianças com deficiência visual: portuguesa é finalista do Prémio de Jovens Inventores 2023

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor introduza o seu comentário
Por favor introduza o seu nome